bailarina

3 filmes que quero ver em maio/2017

maio 16, 2017


Este mês estou mais dedicada aos meus hobbies e um deles é, sem dúvida, passar tardes e tardes jogada no sofá com a companhia de um bom filme #SaudadesSessãodaTarde. Mas, como não tenho tanto tempo assim, precisei restringir a minha listinha enorme e separar três filmes que quero muito ver.

1. Hacksaw Ridge: Durante a Segunda Guerra Mundial, o médico do exército Desmond T. Doss (Abdrew Garfield) se recusa a pegar em uma arma e matar pessoas, porém, durante a Batalha de Okinawa ele trabalha na ala médica e salva mais de 75 homens, sendo condecorado. O que faz de Doss o primeiro Opositor Consciente da história norte-americana a receber a Medalha de Honra do Congresso. Trailer: Aqui

2. Ballerina: Felicie é uma menina órfã apaixonada pela dança. Ao lado do seu melhor amigo Victor, que deseja se tornar um grande inventor, eles desenvolvem um grande plano de fuga para conseguirem o que querem. Eles fogem do orfanato em que vivem para Paris, a Cidade Luz, onde a torre Eiffel ainda está sendo construída. Felicie terá que se superar e aprender com seus erros para tornar o seu grande sonho em realidade: ser uma grande bailarina da Ópera Nacional de Paris. Trailer: Aqui

3. Our little sister: Três irmãs – Sachi, Yoshino e Chika – vivem juntas em uma linda casa que pertence à família há anos, na cidade de Kamakura. Quando o pai delas, ausente nos últimos 15 anos, morre, elas decidem ir ao seu enterro. Lá elas conhecem a sua meia-irmã Suzu, uma tímida adolescente na qual elas se apegam muito rápido. Elas convidam Suzu para ir morar com elas, e quando o convite é aceito, uma nova vida de descobertas e alegrias começa para as quatro irmãs. Trailer: Aqui

fantasia

O lar da Srta. Peregrine para crianças peculiares - Ransom Riggs

maio 11, 2017


O lar da Srta. Peregrine para crianças peculiares tem tudo o que eu amo em histórias fantásticas. Muita fantasia, aventura, uma coleção de fotos excêntricas e crianças combatendo o mal são ingredientes que, com certeza, não pode dar errado quando colocados juntos de uma forma envolvente e encantadora como nesta série.


Jacob, o narrador de dezesseis anos, acaba de descobrir um segredo do seu avó. As histórias que ele lhe contava quando ainda era criança, pode ser verdade e Jacob terá que lutar contra sua família que acha que ele está louco e contra seu próprio eu que insiste em fazê-lo desacreditar para embarcar nesta aventura fantástica e se tornar uma peça muito importante neste mundo paralelo. Assim, após a morte traumática de seu avô, Jacob vai até uma a Ilha de Cairnholm, na costa do País de Gales, para averiguar.

Ao chegar a ilha, Jacob começa a sentir que o lugar parece esconder seus próprios segredos e só sossega quando encontra uma fenda do tempo que o leva a casa das histórias do seu avô. O lugar aparentemente fora do tempo e separado do mundo, era exatamente o lugar onde seu avô viveu na época da Segunda Guerra Mundial. Logo, tudo começa a fazer sentido e Jacob encontra as crianças que eram amigas do seu avô e que possuem certos dons mágicos.


A narrativa e o cenário mágico desta história dão um toque a mais de certa realidade. É maravilhoso quando estamos lendo e nos imaginamos no local, lutando junto com os personagens e descobrindo um outro mundo. O Lar da Senhorita Peregrine para Crianças Peculiares tem esse dom de nos fazer viajar e adentrar na história. É um dos livros mais originais e cativantes que eu li e mal posso esperar para embarcar no próximo livro. 

Aleatoriedades

O que aconteceu com o VEP?

fevereiro 17, 2017



Primeiramente, eu não tenho a intenção de tornar este post um dos mais tristes que você já leu. Não farei a drama queen, já passei por esta fase. Portanto, eu só vou explicar mesmo o que houve e falar que não vou desistir deste espaço.

Então, o que aconteceu? Simplesmente perdi todos os posts de 2016. Eu tinha migrado para o WordPress no final de 2015 e para que isto ocorresse eu tive que pagar por um servidor onde ficaria guardado todos os meus arquivos. O fato é que no final de 2016 minha vida ficou extremamente bagunçada e eu acabei me afastando da internet em si e, por consequência, do blog. Isto fez com que eu acabasse por não me atentar que eu teria que pagar pelo próximo ano do servidor e acabei por não pagar, o que ocasionou no cancelamento do mesmo e para piorar, como eu não fiz o backup antes, perdi tudo já que eles simplesmente deletaram tudo do servidor.

Eu pensei em desisti daqui, em começar um novo projeto ou abandonar tudo de vez, mas hoje, tomei a decisão de voltar pra cá, me explicar e seguir adiante. A vida é assim mesmo, coisas ruins acontecem o tempo todo e não podemos desistir sempre que algo dá errado. Estar aqui me faz feliz e é isso que quero resgatar.

2017 pode ter começado tentando me provocar, mas eu não vou desistir deste ano. Não vou deixá-lo me dizer que não posso ser feliz e fazer o que me faz bem. Vou trabalhar duro para tirar esta zona cinzenta de cima de mim. Portanto, espero que as coisas boas se espalhem por aqui e por ai.  

Facebook

Twitter