drama

2 mangás oneshots que poderiam vir para o Brasil

junho 24, 2017


Eu deveria estar estudando, mas todo mundo merece uma pausa não é mesmo? Então, utilizei uma horinha do meu dia para ler estes dois oneshots e posso dizer que não me arrependi nadinha.

O primeiro deles é Love Letter, de Ozaki Kaori. Ele é um drama bem comovente que conta a história de uma alma que está no paraíso escolhendo sua mãe para nascer. O protagonista acaba por escolher uma garota de 17 anos que fugiu de casa recentemente. É uma história nua e crua, onde podemos vivenciar uma tragédia real e angustiante. Ozaki Kaori é a autora de The God's Lie, lançado pela Panini aqui no Brasil e depois dessa leitura, já estou ansiosíssima para ler e ter em minha coleção este também.

Depois de um drama, nada melhor do que um shoujo bem fofinho para relaxar e Hatsukoi Rhapsody foi exatamente o que eu estava precisando. Ele conta a história de Abe, uma garota que está no último ano do ensino fundamental e acaba por conhecer Fujiwara, um garoto que se transferiu para sua escola recentemente. Em meio as provas para a entrada no ensino médio e a graduação do fundamental, eles vão fazer uma amizade bem fofinha, mas é claro que ambos vão se apaixonar. Porém, eles não conseguem se declarar no dia da graduação e cada um vai pro seu lado. Após um ano, eles voltam a se encontrar e terão a oportunidade de mudar o curso da história. Esse é um daqueles romances super fofinhos, bem água com açúcar e que fazem bem ao coração.

2017

3 curtas muito fofinhos

junho 23, 2017


Estava vagando pelo youtube esses dias e me deparei com um curta, acabei por assisti-lo e quando dei por mim já tinha visto pelo menos uma dúzia deles. E é claro que escolhi alguns favoritinhos para compartilhar com você.

O primeiro deles é Piper, o ganhador do Oscar de melhor curta-metragem de animação de 2017. Ele conta a história de uma pequena ave bebê que vive à beira-mar e precisa sair pela primeira vez do ninho para ir atrás de comida e, assim, ele descobre um novo mundo. É uma história lindinha sobre coragem e superação. Nota final: 


Outro curta que traz como mensagens a coragem e a superação é Out of Sight.  Ele foi produzido por três estudantes como projeto de graduação da National Taiwan University of Arts e conta a história de uma garotinha que passa por algumas aventuras e tem sua percepção de mundo desafiada quando seu cão Gogo se solta da coleira e sai correndo atrás de um bandido que roubou a bolsa dela. Os traços desse curta são super simples e delicados e me recordou as animações do Studio Ghibli. Não vou comentar muito mais para não estragar a sua experiência, mas quero destacar que a magia colocada aqui tornou tudo mais real. Nota final: 



Por fim, mas não menos importante, assisti a Wonder Garder, um curta belíssimo produzido para divulgar a abertura da loja japonesa de roupas e artigos de pelúcia “Control Bear Store Tokyo”. Ele conta a história de uma garotinha que ao se deparar em frente à vitrine de uma loja, é levada para um universo fantástico pelo urso de pelúcia que estava de enfeite no mostruário. Esse também é um curta que tem aquele algo do Studio Ghibli, mas dessa vez é por conta da direção de Yojiro Arai (Up On Poppy Hill e The Secret World of Arriety). Aqui, a mensagem é a própria infância e toda a sua magia. Nota final: ★★★★★

cinema

Cinema | TV | Vi recentemente

junho 21, 2017


Tenho me dedicado mais aos filmes e séries recentemente. Talvez seja o frio ou a saudade, não sei. O fato é que tenho tentado me atualizar e fazer sessões de cinema em casa. Assim, fiz uma listinha com os que mais quero ver e já consegui riscar alguns dela.

O primeiro filme da temporada Oscar 2017 que vi foi La La Land e acho que fui com muita expectativa. Não que eu não tenha gostado de tudo, mas não entrou para a minha listinha de favoritos da vida. O filme conta a história de uma atriz que sonha em alavancar sua carreira e um músico que quer imortalizar o Jazz. Eles vão se encontrar e viver uma história juntos. La La Land tem uma fotografia muito bonita, cores vibrantes, um figurino incrível e cativa bastante com as cenas de música e dança, mas o roteiro em si não me conquistou apesar de eu ter achado bem real, algo que pode mesmo acontecer com qualquer pessoa. Nota final: ★ | Trailer

Love Song foi um filme que conheci navegando no Netflix e acabei dando play em uma noite de insônia. Ele conta a história de duas amigas, Sarah e Mindy, que estão se reencontrando e acabam por se envolver de uma forma mais intensa antes de se separar novamente. Alguns anos se passam, e Sarah é convidada para o casamento de Mindy e tentará reconstruir a conexão com a amiga. Foi um filme ok, com uma história que, como em La La Land, pode acontecer com qualquer pessoa, mas que faltou um algo a mais. As garotinhas que fizeram a Jessy, filha da Sarah, foram encantadoras e eu realmente adorei as cenas em que a Jessy aparecia. Nota final: ★ | Trailer

Por fim eu terminei a terceira temporada de Reign e já estou ansiosa para assistir a quarta e última temporada. A Mary está muito mais girl power nesta temporada. As intrigas com Elisabeth e tudo que tem acontecido na Escócia e na França me fizeram perder o fôlego em diversos episódios. Este é o tipo de série que você consegue maratonar facilmente porque os episódios terminam de uma forma que te faz ansiar pelo próximo. Super recomendo! Nota final: ★ | Trailer

Facebook

Twitter